Não é todos os dias que alguém da nossa terra faz 100 anos,

por isso resolvi prestar homenagem a esta nossa conterrânea, que nasceu na Quinta de Santo Antão, aos 25 dias do mês de Fevereiro de 1912, a uma da manhã, tendo sido baptizada dia 24 do mês de Marco do mesmo ano.

Filha legítima de Manuel d`Assunpcâo Pereira, natural da quinta de Santo Antão e de Ana Maria Mendes, natural de Remondes.

Neta paterna, de António Bernardino Pereira, natural de Mogadouro, e de Ana Maria( Pacheco) ou Gomes natural da Quinta de Santo Antão.

Neta materna, de Joaquim Maria Mendes, e não se sabe o nome da avo, embora apareça nalguns documentos Luiza Maria Falcoa, o que não corresponde a verdade.

Foram padrinhos António Claudino Gonçalves, natural de Remondes e Isabel Maria Pereira natural da Quinta de Santo Antão, e irmã da mesma.

Era a família mais abastada, das que viveram na Quinta de Santo Antão, descendendo de Mogadouro pela parte dos Pereiras conhecidos aqui pelos vilas,

por terem vinda da Vila de Mogadouro e dos Pacheco, que nada tem a ver com os que existem nesta aldeia, que são descendentes de Figueira.

Casou em Soutelo onde sempre morou, tendo tido alguns filhos, e como é natural netos e bisnetos.

A senhora Maria Luiza Pereira, desejamos um feliz aniversário, e que Deus a guarde com saúde.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

two × five =